Verbena - Tudo que Você Precisa Saber

A verbena é uma planta nativa da América do Sul, encontrada também na China e no Japão, onde é bastante utilizada na decoração. Conhecida ainda como gervão, urgebão, planta-da-sorte e erva de ferro, pertence a família Verbenaceae.

Essa planta forma um ramalhete delicado de pequenas flores, elas podem ser encontradas nas cores azul, branca, roxa, vermelha, rosa ou mesclada. Pode ser plantada em vasos, jardins ou canteiros, e possuem um fácil cultivo, chegando de quinze a trinta centímetros de altura.

A verbena é uma planta mais campestre, que possui propriedades benéficas, devido as suas propriedades medicinais. Se você quer saber mais informações sobre essas propriedades medicinais e o cultivo da verbena, continue a leitura no artigo.

Benefícios da verbena

A verbena é uma planta que se popularizou devido a algumas particularidades decorrentes de suas propriedades medicinais, uma delas é no âmbito sexual, pois a planta é dotada de algumas propriedades afrodisíacas.

Sabe-se também, que as flores da planta podem transmitir um efeito relaxante, sendo muito utilizada para controlar a ansiedade e combater a insônia. Para quem tem problemas relacionados a falta de apetite, a planta também atua como um estimulante de apetite, para quem sofre de magreza excessiva.

Além disso, suas folhas e flores são utilizadas para combater problemas respiratórios, artrite, conjuntivite, problemas cardíacos e pré-menstruais, e auxilia no tratamento de gota, resfriado, febre, infecções de pele, hematomas, anemia, disfunções no trato urinário inferior e outras condições de saúde.

Como cultivar verbena

As verbenas são plantas que preferem locais secos e ensolarados, sendo uma opção perfeita para forração de grandes canteiros, além disso uma vantagem das verbenas é que elas atraem borboletas para o seu jardim.

Por gostarem de muito sol, precisam estar plantadas em solos com ótima drenagem para que possam atingir seu potencial máximo. Apesar de gostarem de estar em solo bem drenado, essas plantas, assim como as orquídeas que tem fácil adaptação no solo e nos vasos, podem ser cultivadas em vasos decorativos. 

A floração dessa planta inicia na primavera, mas tem o seu auge durante o verão, atingindo um novo pico no outono, após esse ciclo, a planta entra em declínio e passa a produzir apenas sementes.

As podas ocasionas podem ser utilizadas para manter a verbena ainda mais bonita. São mais de 250 variações da planta já catalogadas. Para começar seu jardim de verbenas, você pode utilizar sementes ou então mudas que já estejam em fase de crescimento.

Se você está pensando em plantar verbena, separe um local bem ensolarado, pois a meia sombra elas produzem uma quantidade bem menor de flores. Faça uma cova de 10 à 20 centímetros e coloque sua muda ou semente.

A rega uma vez por dia, já é suficiente para manter essas plantas bem drenadas, tome bastante cuidado com a rega excessiva, que pode ser prejudicial para seu desenvolvimento. Para ajudar no cultivo você também pode utilizar adubos orgânicos.

Gostou das dicas sobre as verbenas? Então compartilhe agora mesmo em suas redes sociais e não se esqueça de deixar o seu comentário sobre alguma dúvida ou sugestão.